League of Legends

Opinião: line-ups divulgadas e o que esperar de cada time

O nosso querido CBLOL estará de volta no dia 6 de junho e com ele virão grandes emoções. Com muitas mudanças nas lines, jogadores trocando de lado e oito equipes altamente competitivas, o torneio promete ser, mais uma vez, o CBLOL mais disputado de todos os tempos.

Terça-feira (25) foi o último dia da janela de transferências e, dessa forma, as equipes estão oficialmente fechadas e em período de preparação para o início do campeonato. Nós do Projeto Esports discutimos quais seriam as perspectivas de cada equipe para a próxima etapa do CBLOL 2020/2, a partir do desempenho dos jogadores no último split e da movimentação do mercado. Confira o resultado abaixo:

KaBuM! E-SPORTS: Disputa o título

Top: Yang

Jungle: Revolta e Mousty

Mid: Tutsz

Atirador: Duds TheBoy e Disave

Suporte: Ceos

Técnico: Abaxial

A atual campeã KaBuM! é uma das equipes que saem na frente nesse segundo split. Os ninjas mantiveram a base da line que fez história na primeira etapa, indo da sétima posição na penúltima rodada para o título com 12 vitórias consecutivas. Uma forte botlane, que demonstrou um bom rendimento no primeiro split, o talento comprovado do prodígio Tutsz e o entrosamento forte entre top e jungle ex-exódia são o caminho da KaBuM!

FLAMENGO: Disputa o título

Top: Bankai

Jungle: Ranger

Mid: Goku

Atirador: Bvoy e Luskka

Suporte: Luci e Reven

Técnico: Djoko

Se o atual campeão tem seu favoritismo, o vice não ficou pra trás. O Flamengo teve duas fases no primeiro split, mostrando um domínio na primeira parte, com um alto nível de rendimento nos jogos e liderando as primeiras quatro rodadas do CBLOL. No entanto, a equipe sofreu com as paralisações e com a falta do suporte Luci nas finais e acabou derrotada pela KaBuM! Para o segundo split, a volta do suporte coreano e ambas as chegadas do top laner Bankai e do ad carry Bvoy fortalecem a equipe no papel, mas o entrosamento e o rendimento, principalmente do atirador coreano, são incógnitas nesta equação.

VIVO KEYD: Disputa vaga nos playoffs

Top: Hidan

Jungle: Minerva e Caos

Mid: NOsFerus e Atlanta

Atirador: Klaus e Drop

Suporte: Professor

Técnicos: Turtle e Beellzy

A chegada do jungler Minerva, um dos destaques do primeiro split, é a grande arma da Keyd para o segundo semestre. Na primeira etapa, a equipe liderou a fase de pontos corridos do campeonato, com grandes atuações do mid laner NOsFerus, mas esbarrou na grande atuação em equipe da KaBum! nos playoffs.

PRODIGY ESPORTS: Disputa vaga nos playoffs

Top: fNB

Jungle: Yampi

Mid: dyNquedo

Atirador: Garo

Suporte: Wos, Maszka e Biazotti

Técnicos: Kalec e Alocs

A PRG é outra equipe que teve dois momentos distintos na primeira etapa: Um início avassalador e uma descida progressiva. Para o segundo split, os principais reforços foram a chegada de dyNquedo, escolhido o melhor jogador do CBLOL 2018, para o lugar de Aloned na rota do meio, e o fato de ter mantido a base do time, principalmente o top laner fNB que foi um dos destaques da rota superior em 2020.

paiN: Disputa vaga nos playoffs

Top: Robo

Jungle: CarioK e Wiz

Mid: Tinowns e Kami

Atirador: BrTT

Suporte: esA e Dionrray

Técnico: Xero

A grande decepção do primeiro split foi, de longe, o desempenho da paiN. No primeiro semestre, a tradicional organização montou aquele que ficou conhecido como o “Dream Team”, mas os jogadores demoraram a entrosar e o time não engrenou, ficando fora dos playoffs. Para a segunda etapa, a estratégia da paiN foi diferente: abrir mão dos coreanos Key e SeongHwan e apostar na dobradinha Robo e BrTT, que já conquistou duas vezes o CBLOL juntos (2017/1 e 2019/2). Além disso, a chegada de CarioK e Wiz para a jungle e a volta de esA para botlane são incógnitas que irão influenciar direto no desempenho do time.

SANTOS: Disputa vaga nos playoffs

Top: JackPoT

Jungle: Hy0g4

Mid: Rainbow

Atirador: Sarkis e Juzo

Suporte: Hawk  e McS33

Técnicos: Mora e Patron

O campeão do Circuitão chega com tudo no CBLOL. A equipe do Santos mostrou grande domínio no tier 2 e promete um bom resultado na primeira divisão. Os grandes destaques do time santista são os coreanos JackPoT e Rainbow, que jogaram em alto nível e estão prontos pra bater de frente com os top e mid laners do CBLOL. Confira mais sobre o Santos na matéria que fizemos sobre o desempenho do time no Circuito Desafiante e o que esperar dele no CBLOL clicando aqui.

INTZ: Briga na parte de baixo da tabela

Top: Tay e Yupps

Jungle: Shini e Accez

Mid: Envy e Hanor

Atirador: micaO

Suporte: RedBert

Técnico: Maestro e ONMETA

A INTZ foi, no primeiro semestre, uma decepção para a torcida Intrépida. A equipe teve um fraco desempenho no split e foi obrigada a disputar o relegation para se manter na primeira divisão. Para o segundo split, o time da INTZ abriu mão do top laner chinês Tianci, que foi um dos destaque da equipe, e tem a chegada de de Yupps e Hanor, mesmo que os titulares sejam Tay e Envy.

FURIA: Briga na parte de baixo da tabela

Top: Tyrin

Jungle: St1ng

Mid: Anyyy

Atirador: Alternative

Suporte: Damage e ProDelta

Técnico: Piroxz

Por fim, o time da Furia teve um bom desempenho na primeira etapa, mas nos playoffs mostrou sua dependência do jungler Minerva, que era responsável pelas principais movimentações no mapa e ações da equipe. A saída do jogador da selva foi resolvida com a promoção do reserva St1ng para o posto de titular, numa aposta nos talentos do time, mas no ponto de vista mais geral a line vem menos competitiva para o segundo split da competição.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: